terça-feira, 22 de outubro de 2013

Provas do Enem no Rio Grande do Norte começam às 12 horas

Os mais de 167 mil candidatos que vão fazer as provas do  do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste final de semana devem ficar atentos. Com o horário de verão, as provas serão aplicadas ao meio-dia tendo em vista o horário de verão que entrou em vigor neste domingo e vai até o carnaval do próximo ano. As provas serão aplicadas no sábado (26) e no domingo 27. Em Natal e demais cidade do Rio Grande do Norte onde o exame será realizado, os portões serão abertos às 11 horas e as provas terão início pontualmente às 12h00. Além do Rio Grande do Norte, este horário será seguido nos estados de  Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Sergipe e Tocantins. 
Os estados do Acre, Amazonas, de Rondônia e de Roraima terão a maior diferença em relação à capital federal. Nesses estados, a abertura dos portões será às 10h e o fechamento às 11h, no horário local. Em 14 estados, os portões serão abertos às 11h e fechados às 12h, no horário local. Oito estados seguem o horário de Brasília (Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo). Veja na tabela abaixo o horário em cada estado. Portanto, quem está em local com hora diferente da de Brasília deve acertar os ponteiros do relógio com os da capital federal para não perder o exame.

O local da prova também merece atenção. É recomendável que os estudantes façam anteriormente o caminho que vão percorrer nos dias do exame para evitar surpresas. Quem vai de ônibus ou metrô deve localizar as linhas que fazem o trajeto e se lembrar que o Enem é aplicado no final de semana, quando a frequência do transporte público é reduzida. No total,  7.173.574 estão inscritos. 

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, tem feito alertas frequentes aos estudantes sobre o horário e local das provas. “Uma das coisas mais dolorosas é ver o estudante chegar atrasado e não conseguir entrar e todo ano isso se repete. O ideal é que o estudante percorra o caminho antes para verificar o tempo que ele demora de casa ao local do exame e colocar uma certa margem de segurança, porque pode haver algum imprevisto. Se ele for prudente, não terá surpresas. Todos os anos são milhares de casos que se repetem por falta de planejamento”, disse em entrevista recente.

O prazo final para que os candidatos recebessem o cartão de confirmação das inscrições pelo correio com o endereço do local de prova terminou na última sexta-feira. Quem não recebeu o cartão, deve acessar a página do Inep e conferir as informações.

 Um grande esquema de logística foi montado para o transporte e a aplicação das provas em 1.161 municípios espalhados pelo país. Os candidatos farão as provas em 15 mil salas de aula e 660 mil pessoas vão trabalhar no dia do exame. Este ano, os cerca de 63 mil malotes de provas terão cadeado eletrônico com GPS para garantir a segurança.

Do total de inscritos, a maioria já concluiu o ensino médio (4.052.038) e está na faixa etária de 21 a 30 anos (2.181.084), segundo o presidente od Inep, Luiz Cláudio Costa.  As mulheres representam 58,5% do total de inscritos. Esses candidatos vão poder usar a nota do exame para concorrer a vagas de ensino superior em uma das 21 universidades federais, quatro estaduais e 29 institutos federais que adotam o Sisu.

Em relação ao ano passado,  o número de inscritos no Rio Grande do Norte teve aumento de 28%, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

*Tribuna do Norte


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Criado por: Petrus Estúdio - Projetado por: Pedro Júnior