terça-feira, 30 de julho de 2013

MTV migra para TV paga e deixa de pertencer à Abril

Primeiro canal de TV segmentado do Brasil, a MTV entra agora numa fase completamente diferente daquela de 1990 - quando o Grupo Abril a trouxe para o país. O canal deixa o sinal aberto e, a partir de 1º de outubro, estará na TV paga, com nova programação e novo comando.

A mudança, encarada por muitos do setor como o fim da MTV Brasil, é resultado do rompimento do acordo de licenciamento da marca firmado entre a Abril e o conglomerado de mídia norte-americano Viacom. A empresa brasileira decidiu devolver a marca à americana, depois de 23 anos, "como parte de seu processo de reestruturação". Em nota, a Abril disse que está "no processo de decisão sobre o futuro da sua rede de radiodifusão", que permanece sob sua propriedade. O grupo tinha direito de usar a marca até 2018.

A Viacom afirma que a nova MTV terá 350 horas de programação local, incluindo formatos diários, ‘realities’, sitcoms (séries cômicas), esportes radicais e séries de animação. Programas como Pranked (de pegadinhas), Guy Code (reality para o público masculino) e WorldStage (de shows) ganharão versões locais. Além disso, haverá conteúdo internacional dublado em português.

Em comunicado, a diretora-geral da Viacom Américas, Sofia Ioannou, diz que o crescimento do mercado de TV paga no Brasil faz deste o momento certo para lançar o canal nesse segmento. "Mudando a MTV para a TV paga, criamos uma oportunidade única na qual aproveitaremos o expertise dessa audiência, penetração de mercado, relacionamentos locais e relevância para apresentar um canal envolvente para nosso público e parceiros."



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Criado por: Petrus Estúdio - Projetado por: Pedro Júnior